sexta-feira, 30 de julho de 2010

[Flores pequenas tatuadas na barriga]

Pintura: Marc chagall
Queria te levar por ai...

Lá pra marte... Para Espanha... Ou pro sertão.

Para qualquer lugar!

Atemporal...

Pintar “flores pequenas” e rosadas “tatuadas na tua barriga”,

Enquanto escuto a tua voz sussurrando em meus ouvidos.

Digo sim, seu perfume.

Digo sim, sua boca.

Digo sim, seu colo imaculado.

S a u d a d e! S a u d a d e!

...

Palavras que não revelam o meu interior...

A cada passo... A cada segundo.

Sinto a sua face.

Volta depressa meu amor...

Minha pele na tua textura,

Corpos vivos, Chamas azuis...

Ardor das paixões.

Ao “som das águas”...torrentes.

Sorriso de EROS...

Ecos gritantes... Salve Dionísio,

Salve a embriaguez do amor.

[Hans Muller]

2 comentários:

  1. E novamente as "flores pequenas tatuadas na barriga"...
    beijos!

    ResponderExcluir
  2. segredos meus.
    coisitas minhas.
    hihihihi
    memórias outras

    ResponderExcluir